Boi oco, G – de Cerâmica – AL

R$1,510.00

Disponibilidade: Em estoque

Maria Eronildes Laurentino, a Nena, é uma das artistas novatas da cerâmica de Capela, Alagoas. Discípula, cunhada e prima de João das Alagoas, ela começou a trabalhar com o mestre em 2005. Ela diz que já conhecia muito de perto o trabalho de João, mas até então nunca tinha feito nada parecido.

Com o barro ela começou fazendo o boi. (…) João dizia para eu fazer uns depósitos com o barro (…) Aí depois eu ia fazendo as figuras em volta, diz Nena. Os depósitos a que se refere Nena eram blocos de barro que ela utilizava como base para seus bois; estes blocos tinham o formato de depósitos de plásticos, por isso ela se refere a eles como tal. A primeira peça foi um boi que tinha em volta personagens em alto relevo que lembravam uma feira: os feirantes, as frutas e as pessoas do povo.

Com o tempo o boi de Nena foi mudando de forma. Em vez do alto relevo ela começou a fazer um boi oco, “vazado” como ela mesma denomina; dentro dele as figuras que lembra o cotidiano do povo do Nordeste. Apesar de também fazer outras peças, o “boi vazado” se tornou sua peça mais emblemática e sua marca registrada. (…) Como João já fazia bois em alto relevo, eu resolvi fazer o boi vazado para não ficar igual aos dele (…) Dentro eu coloco nossas coisas aqui mesmo do dia a dia (…) Coisas da vida do nordestino, diz Nena.

Medida:24 cm com 39 de altura

Peças restaurada,

Peso 5 g
Dimensões 40 × 40 × 48 cm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Boi oco, G – de Cerâmica – AL”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

QR Code

QR Code